Uma inovação necessariamente torna outra obsoleta?!.6 min read

Quando há uma inovação, subentende-se que seu “nascimento” vem para substituir alguma coisa. Contudo, essa é uma premissa para todas as circunstâncias?

O que é inovação?

Antes de adentrarmos no que gostaríamos de conversar com você, vamos buscar entender o significado da palavra.

Caso busquemos inovação, o dicionário nos traz, do latim Innovatio:

Ato ou efeito de inovar. Tudo o que é novidade, coisa nova.” (MICHAELIS, 2017).

Todavia, para ficar mais claro, precisamos compreender o que é inovar, do latim innovare:

Produzir ou tornar algo novo, renovar, restaurar.” (MICHAELIS, 2017).

Novas tecnologias como meio

Freepik.com

Em frequentes interações que temos, seja em nossos cursos, artigos, postagens ou mesmo comentários, dizemos que as tecnologias devem ser vistas como um meio, ou seja, um suporte para alcançar um objetivo.

Enganam-se os que pensam que adquirir um software ou mudar um procedimento e isto resolverá todos os gargalos existentes na empresa.

Essa inovação, certamente auxiliará na solução, mas ela sozinha não tem como eliminar o que não está conforme.

Gostaríamos de trazer neste momento o que é tecnologia. Segundo o dicionário Michaelis:

Conjunto de processos, métodos, técnicas e ferramentas.

Quisemos refletir com você este conceito, pois, às vezes, limitamos o entendimento de que tecnologia se restringe a softwares e hardwares.

Inovações nas tecnologias de aprendizagem

Nos últimos anos, uma das áreas que mais tem recebido inovações tecnológicas é a da aprendizagem.

Esse interesse é fruto de diversas visões, entre elas:

  • Mudança de paradigma: antes industrial agora do conhecimento.
  • Avanço e disseminação das tecnologias digitais.
  • Foco no aprender a aprender.
  • Entendimento do homem como diferencial, não como recurso.
  • Dinâmica do mercado.

Todas essas inovações são oriundas da percepção de que quando há aprendizagem e conhecimento, com a união de um ambiente colaborativo e criativo, as respostas das equipes frente às necessidades da empresa e da sociedade são mais rápidas.

O que são tecnologias ativas e passivas?

Freepik.com

Já apresentamos em outras publicações estes termos. Inclusive, em uma edição do Conducere Entrevista, falamos diretamente sobre isso.

Caso queira rever o Conducere Entrevista sobre Tecnologias Ativas e Passivas, acesse aqui!

De qualquer forma, sucintamente, dependendo da postura do aprendiz/educando, você estará utilizando uma ou outra.

Por exemplo, uma videoaula, você imagina ser uma tecnologia ativa ou passiva?

Ela é utilizada como formato de aprendizagem o online (à distância, via equipamentos eletrônicos). Além disso, há áudio, vídeos e tarefas. Então, é ativa, correto?

Na verdade, esta tecnologia é passiva, pois o receptor da aprendizagem apenas ouve e/ou vê o detentor do conhecimento transmitir e após responde algumas perguntas. É como se ele estivesse sentado em um auditório, assistindo uma palestra.

Não há interação para a absorção e criação do conhecimento. Por este motivo, não ocorre a aprendizagem plena. Esse método fica na nível da informação, não consegue ter níveis cognitivos para alcançar o conhecimento.

Também já comentamos sobre isso em um e-Book! Para baixá-lo, acesse aqui!

Então somente há aprendizagem se houver tecnologias ativas?

Como dissemos anteriormente, não necessariamente uma inovação substitui outra tecnologia já existente. O grande segredo é o seu planejamento. Analisar o que é adequado em cada situação.

Google Imagens

Sobre isso, temos uma capacitação online que tratará destes detalhes que facilitam e atrapalham o processo de ensino e aprendizagem. Caso queira conhecer, acesse: Como estruturar planos inovadores e estratégicos de capacitação.

Além disso, queremos trazer mais um exemplo para você, sobre porque não devemos imaginar que uma inovação tecnológica, elimina outra.

Google Imagens

O grande Ariano Suassuna tem um canal no Youtube chamado Território do Conhecimento. Sabemos que ele já está junto ao Pai. Contudo, sua obra o mantém vivo, por isso, utilizamos o verbo no presente.

Também tem provocações filosóficas, mas para este exemplo, vamos ficar com o Território do Conhecimento.

Entre tantos vídeos, recentemente vimos o intitulado “Ninguém me enrola”.

Neste, com seu jeito peculiar de sempre, comenta que alguém foi até ele dizer que ele deveria parar de escrever, pois os livros estão com os dias contados.

Disse ainda, que um estudioso de muita fama internacional, está divulgando teorias sobre a forma de distribuir conhecimento. A internet, este é o segredo. Então, Suassuna pergunta: e como você ficou sabendo disso? Ah, diz o visitante, comprei um livro do “cara”.

Aqui vemos a perfeita relação entre duas tecnologias, o livro e a internet. O livro, conforme Rubem Alves, é o primeira forma de ensino à distância, visto que não há como discutir com o autor sobre suas ideias. Hoje, em muitos momentos a internet nos possibilita isso.

Caso não fosse a internet, não haveria como ter acesso tão rápido e de forma gratuita (videoaula) ao Suassuna, por exemplo.

Entretanto, para que seja possível entender sua obra, teremos que acessar seus escritos. Em um primeiro momento de forma passiva. Depois, com a criação de mapas conceituais e mentais, grupos de discussão, portfólios, entre outras, de forma ativa, construiríamos o nosso conhecimento sobre o assunto apresentado.

Aprendizagem, conhecimento e inovação

Nós da Conducere© defendemos que:

Aprendizagem leva ao conhecimento, que por sua vez gera a inovação contínua.

Não há como separá-las ou investir mais em uma ou outra.

Caso estes assuntos sejam novos para você, ou ainda não tem ideia clara sobre como aplicá-los na sua organização, temos um Talk Show que pode lhe ajudar!

Freepik. com alterações da Conducere

Intelligent Leadership©: aprendizagem, conhecimento e inovação

Temas discutidos:

  • Aprendizagem de adultos e tecnologias educacionais inovadoras
  • Criação do Conhecimento Organizacional: teoria e aplicação
  • Conhecimento e inovação: relações e dependências

Talk Show Conducere: aprendizagem, conhecimento e inovação

 

 

Quer conhecer outros Talk Shows da Conducere? Acesse aqui!

Sugestões de leitura da Conducere

Caso você queira saber um pouco mais sobre como inovar o seu negócio e as relações com a equipe, sugerimos:

Smart Business: tenha um ou dê adeus ao seu negócio!

Cinco dimensões da liderança inteligente

Meditações diárias para líderes inteligentes: Homines Formatam

Capacitação online: Primeira Dimensão da Liderança Inteligente (Intelligent Leadership©) – Conhecer

Créditos

Texto: Valeska S. Fontana Salvador e Jocelito André Salvador

Imagem destacada no Blog: Freepik.com

Demais referências estão destacadas no momento em que aparecem no texto.

Outros artigos relacionados à Inteligência Corporativa:

Sua liderança está misturada com o fermento da hip... A consistência da sua liderança possui entre os ingredientes o fermento da hipocrisia? Será que os seus medos podem estar influenciando suas ações? ...
Líderes Inteligentes são autênticos e competentes... Nem todo aquele que me diz: 'Senhor, Senhor', entrará no Reino dos Céus, mas o que põe em prática a vontade de meu Pai que está nos céus. Naquel...
Empresas humanizadas, precisamos pensar nisso hoje... Falar de empresas humanizadas, de certa forma, até parece ter virado moda, um clichê. Todavia, há que se entender: o que consideramos como empresas hu...