Por que o humano é decisivo no seu plano de liderança?

Atualizado em

Priorizar o humano, propriamente dito, ou seja, o nosso lado racional e emocional. Isso sem sermos ingênuos ou pouco inteligentes. Eis um desafio para o nosso tempo, especialmente para a liderança!

Olá Líderes Inteligentes!

Sempre um grande prazer a gente poder partilhar estes momentos, mesmo que breves.

O que me inspira a meditar com vocês hoje é falar sobre o humano, ou seja, o que nos diferencia de todas as demais criaturas e também das máquinas.

Quero com isso dizer que, em detrimento de algumas correntes de pensamento, creio firmemente e tenho comprovações disso, que o humano é uma mescla de razão, emoção e fé. Isso para dizer que não necessitamos ser racionais OU emocionais OU ter fé.

Será mesmo que não conseguimos ser racionais E emocionais E ter fé?

De fato vivemos tempos onde a ditadura do OU parece estar em alta. Veja: você é ‘petralha’ OU ‘cochinha’; você é partidário OU antipolítico; você é ‘cool’ OU conservador.

Você acredita mesmo que o humano é tão simples assim? Pode ser determinado no dualismo isso OU aquilo?

Para sermos Líderes Inteligentes precisamos ser humanos, acima de tudo

Desenvolver o humano que há em nós, algo tão natural, mas nem tão óbvio assim.

o humanoVeja que a nossa sociedade tem grandes reflexos da filosofia pregada pelo dualismo cartesiano. Mas o que isso significa mesmo?

Lembra que René Descartes é famoso pela sua frase “penso, logo existo”.

Pois bem, também é dele uma visão dualista do mundo e das pessoas, ou seja, seríamos formados de duas substâncias uma física (o corpo) e a outra metafísica (pensamento).

Naturalmente, que estou simplificando bastante o pensamento cartesiano, visto que o intuito aqui não é falar sobre as ideias de René Descartes, mas das suas consequências mais óbvias.

Pois bem, o fato é que com o decorrer do tempo, ou seja, após Descartes lançar suas ideias ainda no século XVII, estamos nós, em pleno século XXI, tratando de um pensamento cartesiano, em muitos momentos.

Falo isso, pois o que estou denominado como ditadura do OU, vem exatamente de um pensamento baseado no dualismo cartesiano, onde as questões são assim ou não são assim. Não há a possibilidade, raras as vezes, de se gerar uma síntese.

Quero dizer que uma síntese é a união de uma coisa E outra coisa. Por exemplo, quem disse que não posso ser um sujeito politizado, mas não ser partidário? Por que não posso ter ideias consideradas conservadoras por alguns, mas ser um sujeito extremamente liberal em outros aspectos?

O humano é muito mais complexo do que podemos medir

Você como líder já deve ter escutado a célebre frase: “se não pode medir, então não se pode gerenciar”.

Logo, não posso gerenciar pessoas?

Não necessariamente. O fato é que o humano, por sua fantástica natureza complexa, não cabe totalmente num gráfico de avaliação, por melhor que esta seja.

Você pode fazer o teste que desejar para medir as capacidades, o perfil de determinada pessoa. No máximo, você vai ter uma visão muito próxima da realidade daquele momento. Contudo, NUNCA vai ter a visão completa e definitiva de quem é aquela pessoa.

Isso pelo simples fato de que é o humano é complexo. O humano é criativo. O humano está, quando se permite, em constante aprendizagem, ou seja, está em constante mudança.

O que é o homem na empresa inteligente e humana

Google Imagens

Quero com isso dizer que para você um(a) Líder Inteligente de verdade, deve compreender que:

1. Você nunca vai compreender toda a complexidade de determinada pessoa, pois ela está em mudança constante.

2. As pessoas tem uma capacidade criativa e inovadora, que lhes são natas.

3. O humano é capaz de criar novos conhecimentos.

4. O humano é capaz de aprender, reaprender e aprender a aprender.

5. O humano pode ser racional, emocional e ter fé. Tudo ao mesmo tempo, sem conflitos permanentes.

Por fim, uma dica do maior mestre que qualquer líder pode ter, Jesus Cristo:

O sábado foi feito para o homem, e não o homem para o sábado;
e, para dizer tudo, o Filho do homem é senhor também do sábado.”

(Evangelho segundo Marcos, 2,27s)

Aprimore a sua capacidade de Liderança Inteligente, Humana e Inovadora

Você que nos acompanha, sabe que determinamos como Nossa missão: sua empresa inteligente, humana e inovadora.

Por isso mesmo, um dos aspectos mais relevantes é justamente trabalhar as pessoas que tem a missão de liderar outras pessoas. Fazer com que o humano nunca seja relegado a segundo plano. Fazer com que o humano seja protagonista, de forma harmônica, com a natureza.

Como nós pensamos em fazer isso?

Tenho duas sugestões para você analisar:

I. Painel Interativo para discutir e gerar novas visões

Você já parou para pensar que os seus modelos mentais impactam diretamente a forma como você vê o humano, tira as suas conclusões e age?

Ontem mesmo, a Valeska S. Fontana Salvador, aqui neste espaço, nos trouxe o artigo Modelos mentais: redefina-os e inove seu ecossistema empresarial.

Isso para dizer que é de extrema relevância que você possa, de quando em vez, avaliar seus modelos mentais.

Para isso, criamos este evento: Painel Interativo: Sua empresa como máquina e/ou cérebro.

Queremos provocar, através dele, que você possa repensar a forma como você vê/pensa não somente a empresa, mas as pessoas que dela fazem parte.

II. Programa de Formação Intelligent Leadership

Para você que está buscando um processo de formação para tornar a sua liderança ainda mais inteligente, humana e inovadora, indico-lhe o Intelligent Leadership (Formação para Líderes Inteligentes).

Nas suas abordagens PERSONAL e CORPORATE, você e/ou sua empresa terão a condição de passar pelas cinco dimensões que estabelecemos para uma liderança com estas características. Liderança inteligente

Assim sendo, procuramos fazer com que você possa compreender o humano com muito mais profundidade, visto que se trabalha:

1. Como ocorre o processo de criação do conhecimento nas empresas?

2. Como as pessoas adultas aprendem e como utilizar as tecnologias mais assertivas neste processo?

3. Como se dá o processo de inovação, a partir do humano?

4. Vamos basear nossos estudos num projeto a ser realizado, ou seja, a prática é constante.

5. Vamos falar do SER humano e sua relação com o transcendente, a sua busca pela verdade e se autoconhecimento.

Por isso mesmo, fica aqui o nosso convite!

Vamos falar mais sobre o humano, e suas maravilhosas complexidades para sermos líderes cada vez mais inteligentes, humanos e inovadores.

Aguardo você!

Fica com Deus, em Paz!

Abraços.

Créditos:

Texto: Jocelito André Salvador

Imagem destacada: Freepik.com