Compartilhar informação não gera, necessariamente, conhecimento!3 min read

Compartilhar informação, de per si, não gera conhecimento, pois faltam alguns elementos básicos da boa comunicação. Vamos falar um pouco mais sobre isso.

Olá Gente Boa, de Deus!

Um enorme prazer poder destacar algumas ideias aqui, as quais espero possam ser úteis para o seu dia a dia, como gestores(as) de pessoas.

Hoje, quero trazer uma breve reflexão sobre compartilhar informação e criar, ou não, novos conhecimentos a partir dela.

Ao contrário do que o senso comum possa considerar como verdade, compartilhar informação não gera, necessariamente, conhecimento.

De qualquer forma, continua absolutamente válida a seguinte equação:

compartilhar informação

Design by SocialBase

Contudo, vale analisarmos quando, de fato, a informação se transforma em conhecimento.

Quando compartilhar informação se transforma em conhecimento

Antes de responder esta questão, quero apenas dizer que tal questionamento veio-me quando estava lendo um artigo bem interessante.

O artigo é Gestão do Conhecimento e Concorrência Global: a abordagem da Olympus à gestão do conhecimento global na indústria de câmeras fotográficas. Ele foi escrito ainda em 2002 por Yoko Ishikura e tem dados muito relevantes, especialmente para os desafios do século XXI.

Foi deste artigo, já na sua versão na língua portuguesa, que extraí a seguinte citação, que tem tudo a ver com a nossa reflexão de hoje:

Simplesmente “compartilhar” a informação não cria valor. Identificar os problemas e pensar juntos sobre como resolvê-los – isto é, “simpatizar” – e colocar as ideias em ação – isto é, “responder” – cria valor. Costumávamos enfocar e ouvir apenas um determinado grupo de clientes (o Japão), mas hoje todos no mundo são nossos clientes.

(Fonte: TAKEUCHI, Hirotaka; NONAKA, Ikujiro. Trad. THORELL, Ana. Gestão do conhecimento. Porto Alegre: Bookman, 2008, p. 197)

Concluímos com isso que necessitamos, a partir da informação: compartilhar, simpatizar e responder para criar conhecimento.

Perceba, por gentileza, que isso, em absoluto, é algo estranho à boa comunicação entre as pessoas. O que, naturalmente, deve acontecer em todos os times inteligentes.

Ocorre que, você deve concordar comigo, isso nem sempre acontece na prática. Isso acontece, mesmo ao considerarmos líderes inteligentes. A atitude de simpatizar a informação (identificar os problemas e pensar juntos sobre como resolvê-los e responder (colocar as ideias em ação) não é algo absolutamente natural.

Vamos criar empresas inteligentes, onde compartilhar informação se transforma em novos conhecimentos

Para quem já acompanha este espaço, Homines Formatam, sabe que defendemos a ideia de empresas inteligentes, humanas e inovadoras.

Inclusive, para quem quer saber um pouco mais da nossa visão a respeito do tema, fica o convite: A sua empresa inteligente e humana, este é o nosso propósito!

Tendo isso em mente, nós criamos uma forma de, além de debater tais aspectos, poder praticar, compartilhar informações e criar conhecimento. Trata-se do nosso Painel Interativo.

Há algumas edições no ar, que sugiro você possa analisar para a sua empresa. Basta acessar o nosso Portal Educacional.

Então, aceita o desafio de não simplesmente compartilhar informação, mas sim gerar novos conhecimentos, a partir desta informação?

Até breve!

Abraços.

Créditos:

Texto: Jocelito André Salvador

Imagem em destaque: Freepik.com

Compartilhe:

Outros artigos relacionados à Inteligência Corporativa:

Manual da liderança: fundamentos e passos para o L... Olá Povo de Deus!Sempre um prazer estar com você nas edições do Homines Formatam! Hoje vamos "pegar carona" no Evangelho de Jesus Cristo s...
Enxergar os sinais da mudança, não a crise, Líder ... A agitação e a incerteza que operam atualmente em nosso meio, impedem o Líder Inteligente, muitas vezes, de enxergar os sinais de mudança e de inovaçã...
Qual é o alicerce que sustenta uma Smart Company? O alicerce é um dos principais itens de qualquer construção. É ele quem fornece as bases e fundamentos para suportar todo o peso que está por vir. Qua...