Responsabilidade social nas empresas: inteligência ou utopia?

Há uma relação direta entre as Empresas Inteligentes, Humanas e Inovadoras com a responsabilidade social? Falar e “fazer” ações de responsabilidade social parece ter virado moda para algumas empresas. Muito Continue lendo…

Pessoas como recursos: qual é o risco para as empresas do século XXI?

Tratar as pessoas como recursos, que até hoje nos parece tão normal, pode ser um risco, a nível estratégico, para as empresas que desejam sobreviver a este século. Não lhe Continue lendo…

Learning Organization sem pessoas! Isso pode!?

Está aí um conceito que não é necessariamente novo: Learning Organization, mas que hoje toma uma relevância muito grande. Este tema foi proposto por SENGE, Peter ainda nos anos 1990. Continue lendo…

Gerar diferenciais competitivos com o conhecimento, essencial, não óbvio!

Gerar diferenciais competitivos neste século de mudanças parece algo tão essencial quanto a sobrevivência da empresa e das próprias pessoas a ela ligadas. De qualquer forma, utilizar, de verdade, a Continue lendo…

Procuram-se empresas inteligentes, que gerem igualdade para homens e mulheres

Parafraseando o filósofo grego Diógenes de Sinope de quem se relata que costumava perambular pelas ruas carregando uma lanterna acesa, durante o dia, alegando estar procurando por um homem honesto, Continue lendo…

Um antídoto para a toxidade no mundo corporativo, a Liderança Humana

Sei que já falamos neste espaço mesmo sobre a Liderança Humana. Aliás, por aqui consideramos a necessidade de uma Liderança Inteligente, Humana e Inovadora. Estes três aspectos unidos e inseparáveis Continue lendo…